Área de serviços agora é Optimal Services em toda América Latina

Objetivo é deixar claro que todos os países da região entregam a mesma experiência para o cliente

A plataforma de gerenciamento de serviços usada em todos os países da América Latina sempre foi a mesma. Customizada no Brasil e baseada em um portfolio comum, a OSC – Optimal Service Platform, que faz o gerenciamento da prestação de serviços globais, foi exportada para os outros centros de serviço da Logicalis na região. Mas estes centros tinham nomes diferentes. No Brasil, chamava-se CCA – Centro de Serviços Avançados e, na Argentina, por exemplo, chamava-se MSC – Managed Services Center. Agora, todos têm o mesmo nome: Optimal Services .

Segundo o diretor de serviços para América Latina, Paulo Torres, com a mudança e a adoção do mesmo nome, a ideia é mostrar que se trata de uma plataforma única de prestação e gerenciamento de serviços e que, independente do país, o cliente terá a mesma qualidade de atendimento e a mesma gama de serviços à sua disposição. “A nova marca da área leva até o cliente a mesma experiência onde quer que ele esteja na América Latina”, completa.

Torres explica que a OSC é utilizada por equipes ao redor do mundo para o monitoramento e gerenciamento dos serviços e incidentes nos clientes. “Com a ferramenta, é possível identificar problemas recorrentes e propor as melhores recomendações.   

Ele lembra que, quando a ferramenta Optimal foi criada, ela ajudou a padronizar o atendimento da Logicalis com base em um portfolio comum, promovendo retorno mais rápido e personalizado aos clientes. O nome Optimal Services foi adotado por já ser utilizado globalmente, trazer a relação com a ferramenta de mesmo nome e ter a identificação com o trabalho de excelência realizado pela Logicalis. E esclareceu que a estrutura não vai mudar, “nosso atendimento e equipe continuam os mesmos”, afirma.