Processadora de pagamentos eletrônicos comemora operações consistentes com serviços PromonLogicalis

Cenário

Responsável pela movimentação de mais de 50% das transações com cartões de crédito, débito e de benefícios, a rede é um dos ativos mais críticos para a operação de TIC da empresa. Por isso, a empresa buscava um parceiro especializado, capaz de monitorar e tratar incidentes no ambiente, garantindo sua máxima disponibilidade.

Na mesma época, a PromonLogicalis já atendia a empresa (em parceria com a Oi) para fornecimento de telefonia IP, mantendo um bom relacionamento com o cliente. Assim, foram iniciadas conversas com o cliente para assumir a responsabilidade por seu NOC (Network Operation Center).

Solução

Em parceria com o cliente, a equipe de serviços da PromonLogicalis desenvolveu o modelo de atuação, a equipe que seria envolvida e os processos para o NOC durante o ciclo de pré-vendas. O processo envolveu ainda uma visita do cliente para conhecer a estrutura do Centro de Serviços Avançados (CSA), em Barueri, o que foi determinante para a continuidade do ciclo de vendas.

Após vencer a concorrência, 13 profissionais da PromonLogicalis foram alocados no cliente sob a coordenação do SDC (service delivery coordinator) Carlos Giraldeli e passaram a responder pelo monitoramento e tratamento de incidentes e problemas nas redes corporativa e transacional da processadora de pagamentos eletrônicos.

Benefícios

Apesar do SLA (service level agreement) agressivo, a PromonLogicalis vem atendendo às demandas com excelência, tendo garantido o cumprimento 100% do acordo durante os três meses em que é responsável pelo NOC.

Com isso, o cliente mantém a operação adequada de seu negócio ao mesmo tempo em que reduz custos com equipe.