Virtualização em ambiente Cloud para uma empresa de telecomunicações

CENÁRIO

Uma das maiores empresas de telecomunicações atuantes no Brasil buscava otimizar o uso de tecnologia pela virtualização de componentes de hardware, armazenamento e rede. A demanda do time de TI por soluções em cloud também refletia nas áreas de negócios, já que os custos altos para a compra e manutenção de equipamentos em Data Centers atrasava ações essenciais, como o lançamento de novos produtos.

A opção pela virtualização foi estratégica e transformou a empresa em pioneira na adoção de nuvens para soluções normalmente formatadas como appliance, que traziam softwares instalados em hardwares exclusivos. 

Com longo histórico de serviços e produtos implementados para a empresa, a Logicalis foi a parceira escolhida para realizar o projeto de implementação, configuração e governança de dados das novas nuvens. Esse projeto foi precedido por um serviço de consultoria para a definição de estratégias e organização.

SOLUÇÃO

A principal solução escolhida para dar andamento ao projeto foi o Openstack da Canonical, uma solução de código aberto para nuvens corporativas. Com foco nas necessidades do cliente, o projeto foi dividido em duas frentes de atuação.

Na primeira, oito sites em nuvem serão criados para operar o sistema de cobranças da operadora, sendo esta uma plataforma crucial na estratégia de negócios, com grande volume de transações de clientes e focada nos serviços pré-pagos da empresa.

Ao adotar o OpenStack, a empresa também passa a abrir portas para a adoção de serviços em cloud em novas áreas do setor de telecomunicações, aumentando a velocidade de lançamento de produtos, transferindo para o setor de TI grande visibilidade na estratégia da empresa. O projeto toma forma em uma plataforma modular distribuída nos componentes virtualizados pelo Openstack.

Já a segunda frente do projeto consiste em três sites adicionais, focados em aplicações diversas e na criação de uma Cloud privada para a empresa, abrindo espaço para o uso de setores como negócios, marketing e inovação.

BENEFÍCIOS

Em primeiro lugar, a virtualização permite mitigar a subutilização de recursos computacionais, adicionando mais inteligência para a infraestrutura de TI. São esperados custos menores com manutenção, compra de equipamentos, energia elétrica e suporte técnico. A virtualização também resulta em baixa latência para suprir uma ampla base de clientes finais e corporativos, cadastrados no sistema de cobrança online.

A agilidade alcançada para a área de negócios também é digna de nota. O armazenamento e a criação de novos produtos e campanhas passa a contar com uma estrutura em ambiente de nuvem, gerando maior escalabilidade quando comparada com Data Centers tradicionais, diminuindo o tempo de espera e ampliando a aderência dos produtos.

O ambiente virtual facilita ainda a manutenção em cenários de crises e falhas, com ajuda das ferramentas de gestão possíveis no formato de nuvem.